fbpx

O famoso “tratamento de canal” consiste na remoção da irrigação sanguínea e terminações nervosas dos canais de um dente. É indicado em alguns casos de cáries profundas, fraturas, traumatismos dentais ou até por finalidade profética.

Após essa remoção os canais são obturados (vedados) e diz-se que o dente está com o “canal tratado”. É um tratamento indolor, pois o dente é anestesiado para que o procedimento possa ser realizado.

O que é um canal de um dente?

O canal de um dente é um espaço no interior dos dentes que são preenchidos por vasos sanguíneos e terminações nervosas e são chamados de polpa dental. Uma vez que que essa polpa é inflamada, infeccionada e/ou necrosada, ela precisa ser removida do canal do dente e o espaço vazio que fica deve ser limpo, preparado, preenchido e vedado para que a infecção não se propague e perpetue.

Por que precisa tratar o canal de um dente?

Quando o dente está cariado (O que é cárie? – Hiperlink), dependendo do tamanho da cárie, pode ocorrer uma inflamação irreversível da polpa (Pulpite – o que é? – Hiperlink) e daí a necessidade de tratamento de canal. Em casos de fraturas ou traumatismos dentais provocadas por algum tipo de acidente, também pode haver necessidade desse tratamento. E existem casos também que o dentista indique o tratamento para que seja possível realizar uma coroa (Oque é coroa? Hyperlink) para reabilitar um dente do paciente.

Quais são os sinais e sintomas que sinalizam a necessidade de tratamento de canal?

Os sinais e sintomas que normalmente indicam a necessidade de tratamento endodôntico incluem: dor resistente ao uso de analgésicos, sensibilidade ao quente e frio, dor latejante que pode irradiar para outros dentes e sensibilidade ao mastigar. Em casos evoluídos pode ocorrer edema local com inchaço da face. Nesses casos, temos um abscesso dental e além do tratamento do canal é necessária a realização de drenagem do abscesso e prescrição de antibiótico para controle da infecção.

Quantos canais tem os dentes?

Cada tipo de dente possui uma quantidade de canais interno. Os incisivos e caninos (“dentes da frente”) apresentam um canal, na grande maioria das vezes. Os pré-molares podem ter de um a dois canais (três em poucos casos). Já os molares têm normalmente 3, mas é muito comum terem quatro e até mesmo 5 canais.

Quanto custa o tratamento de canal?

Os valores para o tratamento variam de acordo com o dente em questão e da extensão da inflamação/infecção.

Tratamento de canal dói?

Durante o tratamento do canal o paciente não sente dor, pois o procedimento e feito sob anestesia local. Após o tratamento, normalmente, também não ocorre sintomatologia dolorosa. Em casos de inflamação/infecção intensa, o paciente pode relatar uma sensibilidade pequena que vai diminuindo gradualmente em até dois dias.

Open chat